18 de maio de 2011

Para Sempre em seu Coração - Lynne Grahan



Título Original: The Banker's Convenient Wife 
Autor: Lynne Grahan 
Coleção: Paixão 017 
Editora: Harlequin Books Brasil 
Protagonistas: Roel Sabatino e Hillary 
Série: Brides of  L'Amour 03
        O banqueiro ítalo-suíço Roel Sabatino sofreu uma perda parcial de memória depois de um acidente de carro.Aparentemente, ele tem uma esposa... mas não se lembra de ter se casado!
        Hilary é bonita, doce... e comum. Quando Roel tenta levá-la para a cama como qualquer marido faria, ele descobre que ela é virgem!
        Então por que não aproveitar todos os prazeres que esse casamento tem para oferecer, quaisquer que tenham sido as razões que fizeram Roel se comprometer com Hilary.

        Com esse livro é encerrada a trilogia Brides of  L'Amour. A Hillary é completamente apaixonada pelo Roel desde a primeira vez em o viu no salão de beleza onde ela trabalhava e ele entrou por engano. Uma coisa leva a outra e ela se oferece para se casar com Roel para ele poder ter direito a uma herança. Desde o casamento eles nunca mais se viram.
        Passa alguns anos e uma fatalidade os uni de novo quando Roel perde a memória dos últimos 5 anos de vida. Quando eles se encontram ele não acredita que seja casado, afinal ele não se sente casado e fica mais disconfiado quando a Hillary diz que eles não dormem juntos kkkkk. Bom eu adorei a parte em que ele fica com um peso enorme na consciência e tenta conserta tudo o que ele pensa que fez de errado nos cinco anos de casamento, essa parte foi completamente hilariante.


Brides Of  L'Amour

 Em seus Braços para Sempre (Px 013 - Christien & Tabby)
A Vitória do Amor (Px 015 - Andreo & Pippa)
Para Sempre em seu Coração (PX 017- Roel & Hillary)

Um comentário:

  1. Olá, Jessica! Sensacional! Eu gosto de escrever, mas não escrevo romances. “Será que algum dos meus textos conseguiria lhe agradar”, penso.

    Convido para que veja e comente o meu Armelau no http://jefhcardoso.blogspot.com/

    “Que a escrita me sirva como arma contra o silêncio em vida, pois terei a morte inteira para silenciar um dia” (Jefhcardoso)

    ResponderExcluir