19 de novembro de 2011

Inocente Traidora - Lynne Graham


Título original: The Veranchetti Marriage
Autor: Lynne Graham
Coleção: Bianca 488
Personagens:  Alex Veranchetti e Kerry Taylor


Por que Kerry cometeu aquele desatino se amava o marido mais do que tudo no mundo?
 Certo dia, em Veneza, Kerry despertou de um sono profundo. Aturdida, viu Alex, seu marido, de pé na porta do quarto, o olhar emitindo labaredas de ódio.
Sentou-se na cama e, cheia de horror, descobriu que havia um estranho dormindo ao seu lado, totalmente nu!
Que acontecera naquela festa? Ela não se lembrava de nada... Kerry precisava dizer a Alex que não se deixasse enganar pelas aparências. Mas, como convencer um homem perdidamente apaixonado pela esposa de que traição não é pecado?

         Kerry tinha apenas 18 anos quando conheceu Alex e com ele se casou. Eles não combinavam em nada, a não ser na cama, onde compatibilidade entre eles era enorme. Quando o Alex pegou a Karry na cama com outro não teve dúvidas ela era infiel e o casamento teria que acabar, mesmo ela estando grávida dele. Após 4 anos de sofrimento e se culpando pelo fim de seu casamento, Kerry reencontra seu Alex e se surpreende com a proposta que ele lhe faz. Voltar a serem um casal pelo bem do filho deles.
         A LG com certeza estava inspirada quando escreveu essa estória, o Alex é um amor ele é bem parecido  com o Cesare de Paixão Selvagem. Ele é completamente possessivo e não suporta a ideia da esposa o ter traído, mas mesmo assim ele engole o orgulho e a convence a voltarem a ser marido e mulher. Já a Kerry eu achei muito "bobinha" ela deixa-se ser enganada muito facilmente e não percebe o que tá bem de baixo do nariz dela. Sem falar que quem supostamente traiu foi ela, então quem deveria se sentir lesado na estória é o Alex e não ela. Mas não é o que acontece, até entendo, em partes, a situação dela mas ficar se lamentando e odiando o ex-marido não resolveria nada. Até por que se ela fosse um pouco menos imatura e influenciavél, algo natural devido a idade dela, muitos problemas teriam sido evitados.
         Com toda a certeza eu recomendo esse livro, mesmo achando que o Alex é, e sempre será muuuita areia para o caminhãozinho da Kerry.

0 comentários:

Postar um comentário