18 de janeiro de 2012

O Céu está em Todo Lugar - Jandy Nelson


Título original: The Sky Is Everywhere
Autor: Jandy Nelson
Editora: Novo Conceito

Este é um livro de estreia vibrante, profundamente romântico e imperdível. Lennie Walker, de dezessete anos de idade, gasta seu tempo de forma segura e feliz às sombras de sua irmã mais velha, Bailey. Mas quando Bailey morre abruptamente, Lennie é catapultada para o centro do palco de sua própria vida - e, apesar de sua inexistente história com os meninos, inesperadamente se encontra lutando para equilibrar dois. Toby era o namorado de Bailey, cujos sentimentos de tristeza Lennie também sente. Joe é o garoto novo da cidade, com um sorriso quase mágico. Um garoto a tira da tristeza, o outro se consola com ela. Mas os dois não podem colidir sem que o mundo de Lennie exploda...

         Lennie Walker sempre viveu  a sombra de Bayle, sua irmã. Mas agora com a morte de Bayle ela é obrigada a   viver a própria vida, algo que ela não consegue, pois não pode imaginar a sua vida sem sua irmã mais velha. No meio de sua dor ela isola as pessoas que mais se importam com ela, sua avó, seu tio Big e Sarah sua melhor amiga.
No meio do caos, que se tornou a sua vida ela encontra conforto em Toby, namorado de Bayle e ao mesmo tempo se torna uma pessoa feliz quando está com Joe, um garoto novato que vivia em Paris e tem o sorriso-do-tamanho-da-california.
      Quando eu pensei em ler esse livro eu já sabia que seria uma leitura completamente diferente daquilo que eu já havia visto até agora. Mas não esperava que fosse TÃO diferente. O Céu está em Todo Lugar é um livro profundo que desperta os mais variados sentimentos. A Lennie é uma personagem muito "humana", ela não é uma garota perfeita como na maioria dos livros. Ela erra, e erra feio, igual a uma adolescente comum. Ela tem as mesmas dúvidas e inseguranças de uma garota de dezessete anos. Ela é imatura? Sim, afinal qual garota com dezessete anos não o é. As atitudes que ela toma em alguns casos me deixaram extremamente irritada mas aí eu parava e percebia que tudo aquilo que ela fazia era na realidade a forma, meia louca, que ela encontrou de superar a morte da irmã.
         Já o Joe é o legítimo príncipe encantado adolescente, sabe aquele garoto que faz tudo para você se sentir o melhor possível? Esse é o Joe, porém na potencia 5. Tudo o que ele quer é fazer a Lennie, ou melhor a John Lennon como ele a chama, sair da depressão e perceber que ele está ali para o que der e vier.
         A única coisa que posso dizer é que é um dos melhores livros que eu li até hoje. A estória , a diagramação, a arte, tudo nesse livro é perfeito. Quem ainda não leu, leia e verá que o céu está em todo lugar.

0 comentários:

Postar um comentário