28 de abril de 2013

[FILME] Orgulho e Preconceito


Título Original: Pride & Prejudice
Duração: 127 min.
Ano: 2005
Direção: Joe Wright


Sinopse: As cinco irmãs Bennet - Elizabeth (Keira Knightley), Jane (Rosamund Pike), Lydia (Jena Malone), Mary (Talulah Riley) e Kitty (Carey Mulligan) foram criadas por uma mãe (Brenda Blethyn) que tinha fixação em lhes encontrar maridos que garantissem seu futuro.Porém Elizabeth deseja ter uma vida mais ampla do que apenas se dedicar ao marido, sendo apoiada pelo pai (Donald Sutherland).Quando o sr. Bingley (Simon Woods), um solteiro rico, passa a morar em uma mansão vizinha, as irmãs logo ficam agitadas.Jane logo parece que conquistará o coração do novo vizinho, enquanto que Elizabeth conhece o bonito e esnobe sr. Darcy (Matthew Macfadyen).Os encontros entre Elizabeth e Darcy passam a ser cada vez mais constantes, apesar deles sempre discutirem.
    Quem nunca ouviu falar de Jane Austen? A brilhante autora de Orgulho e Preconceito e de mais outras obras magníficas. Jane nasceu em 1775 na cidade de Steventon/Inglaterra e usava de muita ironia para descrever suas personagens. Como na época era proibido às mulheres que elas escrevessem, sua maior obra, Orgulho e Preconceito, foi terminada em  1797, porém só foi publicada em 1813.
   A história mostra como a personagem principal, Elizabeth Bennet lida com os problemas relacionados à educação, cultura, moral e de casamento em uma Inglaterra aristocrática do século XIX.
   O livro já teve muitas adaptações para o cinema, sendo esse filme de 2005, talvez, o melhor e mais famoso.
   Assisti à esse filme hoje de tarde junto com a Jessica *----* e depois que terminei, pensei comigo mesmo: Como não tinha assistido isso antes?
   O filme é completo e perfeito em todos os sentidos. Primeiro vamos falar das atuações. Keira foi muito bem, na minha opinião no papel de Elizabeth, Donald Sutherland, apesar de pouco aparecer, brilha no papel de Mr Bennet. Brenda Blethyn, faz muito bem o papel da Sra Bennet, uma mulher do século XIX que quer a todo custo casar logo todas as filhas com homens ricos e com posses. E claro, o melhor de todos, Matthew Macfadyen, que Brilha no papel de Mr. Darcy, um homem que faz o estilo "bonitão", alto e muito reservado, por isso muitos o acham antipático e nojento. Claro que ele é totalmente o contrário, e após se apaixonar por Elizabeth, se mostra um verdadeiro cavalheiro e um homem muito romântico. Aposto que muitas mulheres Re-assistem ao filme ou Re-leiem o livro só por causa do Mr. Darcy. (Não é mesmo Jessica? :p hehehe)
   Outro ponto forte do filme é a trilha sonora. Muito bem produzida e encaixa perfeitamente no contexto da história.
   Claro, o principal de tudo é a linda e magnifica história de amor entre Elizabeth e Darcy. Eu ainda não li o livro, mas quem já leu, diz que o filme é muito fiel. Pra vocês verem, apesar de ser um filme de romance, Orgulho e Preconceito, não tem nenhuma cena de nudez e tem apenas um beijo durante as duas horas de duração. Bem diferente de alguns "romances" de hoje em dia.
  O que dizer então do figurino e da fotografia? o filme realmente te leva em uma viagem para o passado. Nas roupas, no clima, no ambiente e também no diálogo dos personagens. Acredito que não tenha faltado nada para esse filme convencer que é um dos melhores do gênero.
  Isso sim, caros leitores, é um romance de verdade. Jane Austen era realmente talentosa...

"Em vão tenho lutado comigo mesmo; nada consegui. Meus sentimentos não podem ser reprimidos e preciso que me permita dizer-lhe que eu a admiro e amo ardentemente."

Assista ao trailer AQUI
 

0 comentários:

Postar um comentário