8 de maio de 2016

Lançamentos do Grupo Editorial Record - Mai/16



Editora Record



A Última Namorada da Face da Terra, de Simon Rich
Livro que inspirou a série Jovem solteiro à procura, exibida pelo canal FX. Como é a vida de uma camisinha? Como lidar com uma tatuagem com o nome da sua ex? O que fazer ao receber a visita de alienígenas ninfomaníacas? Ou quando seus amigos arranjam para você um encontro com um troll? Não, não os da internet, mas a criatura mitológica, tipo aquelas de O Senhor dos Anéis e Harry Potter, sabe? Se você já se fez qualquer uma das perguntas anteriores, esse livro vai servir como uma luva. Mas, se nunca pensou em nada disso, tudo bem, porque, por incrível que pareça, você vai se identificar com cada uma dessas histórias. O amor pode ser uma bagunça, um sofrimento e até mesmo uma tragédia. Mas, quando visto através do olhar de Simon Rich, ele também pode ser muito engraçado.

A Jornada de Ruth, de Donald McCaig
A emocionante história de um dos personagens mais amados da literatura: Mammy, de E o vento levou. Em São Domingos, colônia francesa consumida pelas chamas da revolução, um ataque cruel deixa um único sobrevivente — uma linda garotinha negra. O capitão Augustin Fornier a encontra, leva-a para casa e fica satisfeito ao ver que sua esposa, Solange, se encanta imediatamente pela menina que decidiram chamar de Ruth. Ao fugirem da ilha, os Forniers levam a criança e começam uma vida nova na cidade americana de Savannah, e Ruth é para Solange companhia, ombro amigo — e escrava. No auge da mocidade, Ruth experimenta o amor, o matrimônio e a maternidade — assim como perdas e traumas indescritíveis. Quando Solange dá à luz uma filha, Ellen, é Ruth — agora Mammy — quem cria, educa e protege a criança, permanecendo a seu lado todo o tempo. Quando Ellen se casa com o irlandês Gerald Ohara, leva Ruth a Tara, uma fazenda de algodão no interior da Geórgia, e a um novo capítulo de sua vida com uma nova geração de meninas Ohara. Todos apreciam a hospitalidade de Tara — especialmente os rapazes locais, quando a filha mais velha e rebelde de Ellen, Scarlett, cresce e se transforma em uma bela jovem.



A Mãe Eterna, de Betty Milan
A Mãe Eterna - Morrer É Um Direito narra a história da relação tão enlouquecedora quanto profunda que se estabelece entre uma mãe quase centenária e a filha, que se vê na condição de ser mãe da própria mãe, até o desenlace final. Autora do emocionante Carta ao filho, Betty Milan presenteia o leitor com um romance comovente que aborda grandes questões da atualidade: como suportar a perda dos seres amados? Como enfrentar a velhice extrema? Cabe ao médico vencer a morte e manter o doente indefinidamente vivo? Como humanizar o fim da vida?

A Clínica, de Vicente Vilardaga
O livro que mostra tudo sobre a farsa e os crimes do médico que chocou o Brasil. Este livro-reportagem de apuração precisa tem como personagem Roger Abdelmassih: um mito da medicina reprodutiva, incensado nos melhores salões paulistanos, homem admirável acima de qualquer suspeita, mas cujo espantoso edifício de crimes chocou a todos os brasileiros. Com um texto primoroso e uma reconstituição detalhada dos fatos, o repórter Vicente Vilardaga esmiúça a inacreditável trama de mentiras que cercam o médico condenado a 278 anos de prisão por mais de 48 delitos de abuso sexual a suas pacientes.

Dados & Homens, de David M. Ewalt
A história de Dungeons & Dragons, maior jogo de RPG de todos os tempos, e de seus fiéis jogadores Este é um livro sobre a história de Dungeons & Dragons, maior jogo de RPG de todos os tempos. Ao narrar a verdadeira origem dos role-playing games, desmistifica certas lendas urbanas, explora a história corporativa do jogo, as batalhas nos tribunais, e, mais do que tudo, analisa o RPG enquanto fenômeno de massa e movimento sociocultural, explicando como influenciou e como ainda influencia escritores, desenhistas, pintores, cineastas, quadrinistas e até músicos, em todas as partes do mundo. Jornalista da revista Forbes e jogador nas horas vagas, David M. Ewalt cruzou os Estados Unidos, visitou a antiga sede da TSR, em Lake Geneva, entrevistou os projetistas originais do Dungeons & Dragons, participou de convenções e ressuscitou seu antigo grupo para testar novas e velhas regras. O resultado está reunido neste livro emocionante para RPGistas e didático para aqueles que desejam conhecer esse hobby tão criativo.

Memorandom, de Anders de la Motte
Todo mundo mente. Não confie em ninguém. Leia este livro e fique atento. David Sarac é um policial da Divisão de Inteligência da polícia de Estocolmo. Ele identifica, recruta e gerencia informantes, uma função crucial para o combate ao crime e na qual ele se destaca. Muito disso se deve ao seu informante de alto nível, Jano, inserido de forma estratégica nas organizações criminosas. No entanto, durante uma perseguição de carro, David tem um derrame e sofre uma colisão violenta dentro de um túnel. Ao acordar no hospital algumas semanas depois, ele não se lembra de nada dos últimos dois anos de sua vida, nem mesmo da identidade de seu mais proeminente informante. Muitas mortes ocorrem, todas elas relacionadas a Jano de alguma forma. Agora, David precisa correr contra o tempo para recuperar suas memórias e o contato com o informante antes que ele próprio se torne a próxima vítima.

O Gerente Noturno, de John Le Carré
Um dos romances mais aclamados de John le Carré e que deu origem à serie de TV The Night Manager. Jonathan Pine é apenas o gerente noturno de um luxuoso hotel em Zurique. Mas, quando uma simples tentativa de passar informações para as autoridades britânicas sobre um hóspede suspeito tem consequências devastadoras, e pessoas próximas a Pine começam a morrer, ele se vê envolvido em uma perigosa trama. Com um thriller de espionagem sobre agências de inteligência, bilhões de dólares e o comércio ilegal de armas, John le Carré cria um universo claustrofóbico no qual não é possível confiar em ninguém.

O Pêndulo de Foucault, de Umberto Eco
Um dos romances mais famosos de Umberto Eco ganha reedição com novo projeto gráfico de capa e miolo. Casaubon, Belbo e Diotallevi são redatores da editora Garamond, na Milão do início da década de 1980. Cansados da leitura e releitura de incontáveis manuscritos de ciências ocultas, eles acabam encontrando indícios de um complô que teria surgido em 1312 e atravessado, encoberto, toda a história do planeta até o fim do século XX. Os agentes e beneficiários dessa trama secreta seriam os templários e os rosa-cruzes, cujo objetivo maior era dominar o mundo. Em O pêndulo de Foucault, Umberto Eco aborda questões contemporâneas como a emergência do irracionalismo high-tech, as síndromes do final do milênio, o mundo dos signos e os segredos da História. Aliando a tudo isso muito suspense, ocultismo e crimes misteriosos, Eco é ao mesmo tempo erudito e bem-humorado.

O Romance Inacabado de Sofia Stern, de Ronaldo Wrobel
Ronaldo Wrobel une o contexto histórico a uma trama repleta de cenas memoráveis e ironia fina, construindo um dos thrillers mais instigantes do ano. Ronaldo vive em Copacabana com a avó, Sofia Stern, que nasceu na Alemanha em 1919 e fugiu para o Brasil na véspera da Segunda Guerra. Certo dia, recebe o telefonema de uma juíza alemã às voltas com um processo judicial que pode torná-lo multimilionário. Com a descoberta de um diário, Ronaldo reconstitui a juventude da pacata senhora, revelando peças de um passado que envolve paixões, inveja, traições e dinheiro. Quando outros fatos vêm à tona, Ronaldo se depara com uma série de dilemas. Resta saber o que ele prefere: ficar rico ou fazer justiça.

Onde Está Elizabeth?, de Emma Healey
Merece prêmios em todas as categorias. Um thriller emocionante sobre a vida. - The Independent. Como resolver um mistério sem se lembrar das pistas? Maud está ficando esquecida. Aos 80 anos, ela compra pêssegos em calda quando ainda há muitos na despensa e escreve bilhetes para se recordar das coisas. Algumas vezes sua casa parece irreconhecível, e sua filha, Helen, uma completa estranha. Mas de uma coisa ela tem certeza: sua amiga Elizabeth está desaparecida. É o que diz uma anotação em seu bolso. Embora não se lembre da última vez que viu Elizabeth ou mesmo do que aconteceu segundos atrás, Maud se recorda de todos os detalhes do sumiço de Sukey, sua irmã mais velha, logo depois do fim da Segunda Guerra Mundial. Após um jantar com a família, nunca mais se teve notícias dela. Apesar de a polícia e de todos ao redor tentarem convencê-la de que Elizabeth está bem, Maud se mantém firme na missão de encontrá-la. O que ela não imagina é que a busca pela amiga acabará se tornando fundamental para desvendar o desaparecimento de sua irmã.

Os Contos Completos, de Alberto Mussa
Com sua obra vasta, erudita e tematicamente variada, Alberto Mussa criou esta grande coletânea. Esta coletânea de contos tem, pelo menos, uma particularidade. Os contos que a compõem são, em sua maioria, retomadas de textos anteriores do autor. Não são simples reedições: são reescrituras, novas versões cujo espectro varia desde a quase literalidade até a completa reformulação, ou a mixagem de textos anteriormente dispersos. Do Brasil recém-descoberto às favelas e bares cariocas, da África profunda aos nossos terreiros de candomblé, da Grécia homérica aos sambas-enredos, do Egito faraônico aos poetas árabes pré-islâmicos, Alberto Mussa recolhe mitos e causos até compor um repertório absolutamente original.

Os Invernos da Ilha, de Rodrigo Duarte Garcia
Romance de estreia do jovem autor Rodrigo Duarte Garcia – tratado desde já como o Conrad brasileiro. Os invernos da ilha é um livro de aventura, como não há no Brasil, que reúne um herói atormentado (e logo apaixonado), uma ilha fria e hostil escolhida como exílio (num convento misterioso), a descoberta de um diário de piratas (e, assim, a reconstrução de uma incrível história de corsários) e a busca por um tesouro escondido. Como diz Martim Vasques da Cunha no texto de orelha: “Rodrigo já pertence à categoria dos mestres. Os invernos da ilha costura Wallace Stevens, Melville, Conrad, Patrick O’Brien, os filmes de Indiana Jones, Os Goonies – sobrando até mesmo para o compositor Rachmaninoff –, com tamanha habilidade, que o leitor ficará atônito ao perceber que, no meio disto tudo, há a alegria de narrar uma verdadeira história”.

Welcome to Copacabana, de Edney Silvestre
Escritor premiado e de sólida carreira literária, Edney Silvestre estreia no gênero conto com uma mistura envolvente de narrativas curtas com personagens marcantes e cheios de subjetividade. O livro começa no mais turístico bairro da cidade, passando pelo subúrbio, por suas misérias, por países como França e Itália, até chegar a outra galáxia – e então retornar a Copacabana, onde tudo parece mesmo se misturar, do começo ao fim. Quase como um fotógrafo, Edney passa-nos a impressão de que os seus personagens existem. Sem esconder a proximidade que sente em relação às suas criaturas, é como se cada história reinaugurasse a cumplicidade estabelecida entre o autor e os seus personagens. De forma tão original, sincera e envolvente que passamos a ser cúmplices também.

Wolf in White Van, de John Darnielle
Bem-vindo a Forte Itália, um jogo de estratégia e sobrevivência... A primeira rodada já vai começar! Depois de sofrer uma lesão que desfigurou seu rosto, Sean Phillips passa a criar jogos em que desconhecidos podem viver aventuras maravilhosas e trágicas. Sua primeira criação é Forte Itália, um RPG no qual ele envia uma cena por correio, e o jogador responde com uma ação. Bem simples. Mas o próprio Forte Itália, o objetivo final do jogo, com suas paredes labirínticas e sua promessa de estabilidade e segurança em meio a um Estados Unidos pós-apocalíptico, é inalcançável. Há apenas duas possibilidades: ou você continua em movimento, ou morre.

Uma Vida Pequena, de Hanya Yanagihara
Candidato ao Prêmio Pulitzer de Literatura de 2016, Uma vida pequena é um dos livros mais surpreendentes, desafiadores, perturbadores e profundamente emocionantes das últimas décadas. Quando quatro amigos de uma pequena faculdade de Massachusetts se mudam para Nova York em busca de uma vida melhor, eles se veem falidos, sem rumo e amparados apenas por sua amizade e por suas ambições. Willem, lindo e generoso, é aspirante a ator; JB, nascido no Brooklyn, é um pintor perspicaz e às vezes cruel que busca de todas as formas ingressar no mundo das artes; Malcolm é um arquiteto frustrado que trabalha numa empresa de renome; e o solitário, brilhante e enigmático Jude funciona como o centro gravitacional do grupo. Com o tempo, o relacionamento deles se aprofunda e se anuvia, matizado pelo vício, pelo sucesso e pelo orgulho. No entanto, seu maior desafio, como cada um passa a perceber, é o próprio Jude, um litigante extremamente talentoso na meia-idade, porém, ao mesmo tempo, um homem cada vez mais atormentado, a mente e o corpo marcados pelas cicatrizes de uma infância misteriosa, e assombrado pelo que teme ser um trauma tão intenso que não só não será capaz de superar — mas que vai definir sua vida para sempre. Com uma prosa magnífica e genial, Hanya Yanagihara criou um hino trágico e transcendental do amor fraterno, uma representação magistral da dor física e psicológica, e uma análise da verdade nua e crua que permeia a tirania da memória e os limites da resistência humana.

Editora Bertrand Brasil


Os Pequenos Homens Livres. de Terry Pratchett
Ambientado no Discworld, o aguardado relançamento do primeiro volume da série juvenil de Terry Pratchett no Brasil. Um perigo oculto, saído de pesadelos, vem trazendo uma ameaça diretamente do outro lado da realidade. Armada com tão somente uma frigideira e seu bom senso, a pequena futura bruxa Tiffany Dolorida deve defender seu lar contra fadas brutais, cavaleiros sem cabeça, cães sobrenaturais e a própria Rainha das Fadas, monarca absoluta de um mundo em que realidade e pesadelo se entrelaçam. Felizmente, ela contará com uma ajuda inesperada: os Nac Mac Feegle da região, também conhecidos como os Pequenos Homens Livres, um clã de homenzinhos azuis ferozes, ladrões de ovelhas, portadores de espadas e donos de uma altura de mais ou menos quinze centímetros. Conseguirão eles salvar as terras quentes e verdejantes de Tiffany?

Um Chapeú Cheio de Céu, de Terry Pratchett
Do aclamado autor da série Discworld, uma divertida e bem-humorada aventura em seu mundo fantástico. Tiffany Dolorida, alguns anos após suas aventuras no tenebroso Reino das Fadas, deverá colocar seus talentos em bruxaria novamente à prova ao embarcar em mais uma aventura: deixar sua casa e suas terras para trás e se tornar aprendiz de uma bruxa de verdade. Mas o que ela não sabe é que uma criatura incorpórea e sagaz está lhe perseguindo, um ser ancião e incompreensível do qual nem mesmo a Madame Cera do Tempo (a maior bruxa do mundo) poderá protegê-la. Dessa vez, serão úteis as habilidades de roubos, briga e bebedeira dos Nac Mac Feegle, os Pequenos Homens Livres, ou deverá Tiffany depender única e tão somente de si?

A Casa da Praia, de Nora Roberts
O novo sucesso mundial de Nora Roberts. Advogado em Boston, Eli Landon acabou de passar por um ano intenso. Após ser inocentado pelo assassinato de Lindsey, sua ex-mulher, ele se muda para a casa desocupada de sua avó em Whiskey Beach: Bluff House, um casarão que há mais de trezentos anos atua como guardião inabalável do litoral... e de seus segredos. Tudo o que Eli deseja é um pouco de paz e tranquilidade para trabalhar em seu romance. Mas, quando chega em Bluff House, ele descobre que sua avó incumbira a casa e Eli aos cuidados da jovem vizinha, Abra Walsh. Eli acredita ser capaz de cuidar de si mesmo, mas, conforme se vê gradualmente cedendo às palavras amáveis e refeições apetitosas de Abra, os dois passam a se ver presos em um emaranhado que se estende por séculos e que tem seduzido aquele cujo maior desejo é destruir a vida de Eli de uma vez por todas.

À Margem do Lago, de Sara Gruen
Após uma festa de ano-novo da alta sociedade na Filadélfia em 1944, Madeline Hyde e seu marido Ellis são expulsos de casa pelo pai dele, um rico ex-Coronel das forças armadas, já bastante envergonhado pela incapacidade do filho em ir para a guerra. Com a ajuda do melhor amigo, Hank, Ellis chega à conclusão que a única maneira de reconquistar os favores do pai é ser bem-sucedido em algo que o Coronel falhou no passado: caçar o famoso monstro do Lago Ness. Maddie, relutantemente, cruza o oceano Atlântico com eles, deixando para trás seu aconchegante e protegido mundo. O trio chega a um vilarejo distante nas Terras Altas da Escócia, onde são desprezados pelos moradores locais. Maddie fica sozinha numa isolada hospedaria, onde a comida é racionada, o combustível é escasso e o carteiro bater na porta pode significar notícias trágicas. Apesar disso, ela começa a se apaixonar pela beleza deslumbrante e a magia sutil do interior escocês, e a amizade com duas jovens mulheres abre seus olhos para um mundo maior do que ela imaginava existir. Maddie começa a perceber que nada é o que parece: os valores que ela mais prezava se mostram insustentáveis, e monstros surgem onde menos se espera.

Os Pecados do Pai, Jeffrey Archer
Neste segundo volume de As Crônicas de Clifton, lealdades familiares são levadas ao limite à medida que novos segredos são revelados. Apenas alguns dias antes de a Inglaterra declarar guerra à Alemanha, Harry Clifton foge e se junta à Marinha Mercante. Mas quando seu navio é afundado no Atlântico, um navio de cruzeiro americano resgata alguns sobreviventes, entre eles Harry e o terceiro oficial, um americano gravemente ferido chamado Tom Bradshaw. Quando Bradshaw morre no meio da noite, Harry assume sua identidade, acreditando ser a oportunidade perfeita para começar de novo. Mas, na América, ele rapidamente se dá conta do erro que cometeu ao saber o que aguarda Bradshaw em Nova York: uma acusação de assassinato. Sem poder provar sua verdadeira identidade e muito menos a inocência de Bradshaw, Harry Clifton agora está acorrentado a uma vida que poderia ser muito pior do que a que ele esperava deixar para trás. A única coisa com a qual ele não contava era Emma: será ela capaz de agrupar todas as peças do quebra-cabeça rápido o suficiente para salvar Harry de um destino que não lhe pertence?

Arena 13, de Joseph Delaney
Primeiro livro da nova série do autor best-seller de As Aventuras do Caça-Feitiço. Leif tem uma única ambição: tornar-se o melhor lutador da famosa Arena 13. Lá, os espectadores apostam em qual lutador vai derramar sangue primeiro. E, em ajustes de contas, apostam em qual lutador vai morrer. Mas a região é aterrorizada por Hob, um ser maligno que se deleita torturando a população e exibe o seu poder devastador desafiando combatentes da Arena 13 a lutas até a morte quando bem entende. E isso é exatamente o que Leif quer, pois ele conhece bem os crimes de Hob. E, no cerne da sua ambição, arde o desejo de vingança. Leif procura revanche contra o monstro que destruiu a sua família. Mesmo que isso lhe custe a vida.


Editora Verus



No Limite do Desejo, de Katie McGarry
Chegou a hora de conhecer novos personagens e reencontrar outros, como Isaiah e Rachel, no quarto volume da série iniciada com No limite da atração. Haley é campeã de kickboxing, mas, após enfrentar uma tragédia, jurou nunca mais pôr os pés no ringue. Até o dia em que o cara em quem ela não consegue parar de pensar aceita uma luta de MMA em homenagem a ela. De repente, Haley tem de treinar West Young. Cheio de atitude, West é tudo o que Haley prometeu a si mesma evitar. Ainda assim, ele não vai durar cinco minutos no ringue sem a ajuda dela. West está escondendo um grande segredo de Haley, sobre quem ele realmente é. Mas ajudá-la — lutar por ela — é uma chance para a redenção. Ele não pode mudar o passado, mas talvez possa mudar o futuro de Haley. Haley e West combinaram de manter o relacionamento estritamente dentro do ringue. Mas, conforme uma ligação inesperada se forma entre eles e o desejo chega ao limite, eles terão de enfrentar seus medos mais obscuros e descobrir se vale a pena lutar pelo amor.

Anna Vestida de Sangue, de Kendare Blake
É assustador, romântico e prende a atenção do começo ao fim. O público vai se apaixonar por Anna. — Stephenie Meyer. Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas — e afastar distrações, como amigos e o futuro. Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas. Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?

Oníria, de B. F. Parry
Existe um mundo de cuja existência ninguém suspeita. Um lugar, porém, para onde todos nós viajamos a cada noite. Um universo em que tudo é possível. Oníria, o Reino dos Sonhos. Eliott, de doze anos, aparentemente é um menino como outro qualquer. Até o dia em que sua avó lhe dá uma ampulheta mágica que lhe permite viajar a um mundo tão incrível quanto perigoso: Oníria, o Reino dos Sonhos. Um mundo onde milhares de personagens e universos ganham vida, assim como as coisas mais loucas e assombrosas sonhadas todas as noites pelos seres humanos. Um mundo no qual o espírito do pai de Eliott, mergulhado em um sono misterioso, estaria preso há vários meses. Estudante comum de dia, mas um poderoso Criador à noite, Eliott pode fazer aparecer tudo o que deseja pelo simples e imenso poder de sua imaginação. Explorando Oníria para salvar seu pai, Eliott se verá confrontado com seu extraordinário destino: ele descobrirá que é o Enviado, encarregado de salvar o reino, ameaçado pela sangrenta revolução dos pesadelos.


Editora BestSeller
Site | Facebook | Twitter | Instagram


Bowie, de Wendy Leigh
A biografia que revela facetas desconhecidas do ídolo pop David Bowie. Leigh traça toda a trajetória do músico, desde a infância em sua família problemática, passando pela juventude desvairada em busca do sucesso, até atingir o estrelato e se tornar uma entidade única e inigualável da cultura popular contemporânea. Ao analisar a pluralidade de personagens que o cantor incorporou, examinando sua recusa a se submeter a qualquer padrão sexual, a autora também aponta para uma falta de ortodoxia sem precedentes, chave para a desconstrução de tabus e estopim de uma revolução dos costumes de gênero. Descritas fielmente neste livro, a subversão e a criatividade, algumas das características mais marcantes do astro britânico, não apenas o destacam de seus colegas de profissão, mas são responsáveis pelo charme de Bowie, que cativou milhões de fãs em todo o mundo. Este é o registro mais íntimo e revelador da vida de um dos maiores ícones da história recente. Bowie é, portanto, uma leitura indispensável para todos aqueles que ainda não se contentaram em dizer adeus a David.

O Voo da Bailarina, de Michaela DePrince
Com uma narrativa envolvente, O voo da bailarina é leitura essencial para a desconstrução dos rígidos estereótipos raciais e padrões de beleza presentes no competitivo mundo do balé. Nascida na Serra Leoa devastada pela guerra, os primeiros anos de vida de Michaela DePrince não foram fáceis. Após perder os pais de maneira brutal, a jovem foi abandonada pelo tio em um orfanato, onde ficou conhecida como a “número 27” e foi cruelmente apelidada de “criança demônio”, devido a uma condição de pele que faz com seu corpo pareça manchado. A estadia no orfanato, no entanto, lhe forneceu uma bênção: foi lá que Michaela encontrou a capa de revista que determinaria seu futuro, estampada com uma linda bailarina na ponta dos pés. Adotada por uma família norte-americana que encorajou seu amor pelo balé matriculando-a em escolas de dança, Michaela DePrince daria início à emocionante trajetória rumo aos maiores patamares do balé mundial.

Rompendo Limites, de Jack Andraka
Como um jovem inovador revolucionou o diagnóstico do câncer. Ao perder seu melhor amigo para o câncer de pâncreas, Jack Andraka se deu conta da inacessibilidade e ineficácia dos exames existentes para detectar a doença. Decidido a criar seu próprio método, Jack, então com 15 anos de idade, se dedicou a um extenso estudo e descobriu uma maneira para identificar o câncer de pâncreas, ovários e pulmão de forma muito mais precoce. Após ser rejeitado por diversos pesquisadores, o jovem conseguiu, finalmente, que sua criação fosse aceita por um laboratório de pesquisa. Em Rompendo Limites, Jack Andraka narra a sua difícil jornada contra a depressão e a homofobia e relata todos os detalhes de sua importante invenção científica.

Princesa - Mais Lágrimas para Chorar, de Jean Sasson
Uma história comovente sobre a luta das mulheres árabes pelos direitos humanos básicos. Princesa – Mais lágrimas para chorar é o retorno de Sultana, nobre saudita que se esconde atrás de um pseudônimo para relatar a condição precária das mulheres de seu país. Apesar de terem conquistando o acesso à educação e de estarem se integrando ao mercado de trabalho, as mulheres sauditas ainda são oprimidas por rigorosas instituições familiares, religiosas e sociais. Engajada na luta pela emancipação feminina, Sultana retrata, a partir de uma perspectiva privilegiada, os abusos físicos e psicológicos aos quais suas compatriotas ainda são submetidas diariamente. Além de comovente, esse livro é um manifesto em prol de direitos e igualdades para a mulher árabe.

As Nove Lições Essenciais que Aprendi Sobre a Vida, de Harold S. Kushner
Novo livro do rabino de Quando coisas ruins acontecem às pessoas boas. Em As nove lições essenciais que aprendi sobre a vida, o autor e rabino Harold S. Kushner relata a sua experiência com o rabinato e como a comunidade judaica se transformou ao longo dos anos. Usando sua vasta experiência e anos de estudos em instituições como a Universidade Hebraica de Jerusalém e no Seminário Teológico Judaico, Kushner traz reflexões acerca da vida, da fé e da espiritualidade, oferecendo conselhos e inspiração para superar momentos difíceis.

Haatchi & Little B, de Wendy Holden
A história inspiradora da amizade entre um menino e seu cão. Em Haatchi & Little B, Wendy Holden narra a emocionante história de amizade entre Owen Howkins e seu cachorro Haatchi. Owen (conhecido pela família como Little B) sofre de uma rara doença genética chamada síndrome de Schwartz-Jampel, que faz com que os músculos do menino fiquem sempre tensos, impossibilitando-o de sair da cadeira de rodas. A condição de Little B dificultava sua relação com outras pessoas e sua capacidade de fazer amigos, mas o quadro mudou com a chegada de Haatchi. Após ser abandonado em uma linha de trem e perder uma pata traseira e o rabo, o cachorro foi adotado pela família de Owen, dando início a uma afetuosa relação. O livro conta como a amizade entre Little B e Haatchi mudou, para sempre, a vida dos dois.

0 comentários:

Postar um comentário