4 de julho de 2016

Lançamentos Grupo Editorial Record - Jul/16



Editora Record


Que Você é Esse?, de Antonio Risério
Um romance que se configura, ao mesmo tempo, como ficção política e livro erótico. Espécie de biografia de um tempo, Que você é esse? retrata a geração que viveu o desbunde, lutou contra a ditadura e pela redemocratização, chegando hoje à dura realidade do que afinal conquistaram. Ficção política e livro erótico, romance de ideias e texto prospectivo, Antonio Risério vai do quilombo ao marketing, do candomblé à comunidade judaica, das lutas de 1822 às manipulações publicitárias, passando por vertigens amazônicas e contraculturais, para chegar ao colapso do PT e, então, se espraiar em sonhos de uma nova sociedade

Anjos em Chamas, de Bear Grylls
A sequência de Voo fantasma, uma bomba de adrenalina de tirar o fôlego. Um cadáver pré-histórico sepultado dentro de uma geleira ártica, chorando lágrimas de sangue. Uma ilha invadida por primatas raivosos — fugitivos de um laboratório de pesquisas classificado com o nível máximo de biossegurança. Um gigantesco hidroavião escondido debaixo de uma montanha, contendo uma sinistra carga nazista. Um órfão sequestrado de uma favela africana, tendo em mãos a chave para a salvação do planeta. Quatro viagens aterrorizantes. Um caminho intransponível. Só um homem capaz de atravessá-lo. Will Jaeger. O caçador.



A Rainha do Sul, de Arturo Pérez-Reverte
Livro que inspirou a nova série do canal Space, com Alice Braga no papel de uma das maiores traficantes de drogas da Espanha. Teresa Mendonza nasceu em Culiacán, no México. Pobre e com pouco estudo, foi estuprada e quase morta depois de o namorado, piloto de avião que trabalhava para o cartel local, ser assassinado pelo chefe do tráfico. A jovem então se vê forçada a fugir para a Espanha, onde seu instinto criminoso vem à tona. Lá, ela não tem escolha a não ser aceitar uma realidade impiedosa, na qual não há bem ou mal, e sim o reflexo de um universo cruel, onde matar, morrer, enganar e corromper faz parte do cotidiano. Agora, a Mexicana, como é chamada no submundo do crime e pela imprensa, é a traficante mais poderosa da Espanha, dona de um império camuflado de transporte de drogas na Costa do Sol. Uma história de corrupção, amor e intriga que nos revela o melhor e o pior que existe no ser humano. Pérez-Reverte cria um retrato perfeito do submundo do tráfico na Espanha mesclando fatos e ficção, sexo, drogas e violência, numa narrativa avassaladora. A saga épica de Teresa Mendonza atravessa décadas e continentes numa história repleta de sensualidade, crueldade, amor, traição, vida e morte.

Entropia, de Alexandre Marques Rodrigues
Um ousado romance do mesmo autor de Parafilias. Em Entropia, Alexandre Marques Rodrigues mais uma vez mostra pleno domínio das técnicas narrativas: em um ousado romance, o autor se emaranha por toda a complexidade de seus personagens, em um enredo que se desconcentra na ideia, concretizada ou não, de viagem, de procura (ou será de fuga?) de si mesmo ou do corpo enterrado da mãe. Tudo cumprido, Alexandre Marques Rodrigues vai muito além. O jogo de identidades entre personagens – que perturba o leitor tanto quanto lhe impõe investigá-los, decifrá-los, mapeá-los, confirmá-los a cada página – é caso muito sério, ocasião em que a literatura capta o espírito dissolvido de um tempo sem que da engenharia do escritor se ouça o mais mínimo ruído.

Ela e as Vitrines do Rio, de Roberto Saturnino Braga
O novo livro de contos do vencedor do Prêmio Malba Tahan. A vida cotidiana, feita de personagens e acontecimentos aparentemente prosaicos, pequenas e grandes belezas, golpes, quedas e saltos, é a matéria que anima esta reunião de contos. Passando por diferentes bairros e camadas sociais, recortes das histórias privadas, ao mesmo tempo universais e singulares, são contados por estilhaços sutis do dia a dia, detalhes que apenas o olhar sensível pode captar. Vida caleidoscópica que se descortina e se desdobra em muitas, como são inúmeras as cidades dentro de uma — dentro do Rio de Janeiro de Roberto Saturnino Braga.

O Quinto Evangelho, de Ian Caldwell
Uma trama eletrizante sobre uma verdade que pode abalar o futuro da igreja. Nos últimos meses do pontificado de João Paulo II, uma misteriosa exposição é montada nos Museus do Vaticano. Seu curador, Ugo Nogara, alega ter descoberto um grande segredo sobre o Sudário de Turim, porém, uma semana antes da abertura da polêmica mostra, ele é encontrado morto nos jardins da residência de verão do papa. Na mesma noite, a casa dos padres Alex e Simon Andreou, amigos de Ugo e seus ajudantes na exposição, é invadida por um estranho. A polícia não consegue encontrar um suspeito, e Alex inicia sua própria investigação. Para encontrar o culpado, ele precisa descobrir o segredo mantido por Ugo a qualquer custo. Mas, à medida que começa a compreender a verdade, ele percebe que suas ações podem trazer consequências imprevisíveis para o futuro da Igreja Católica.

O Ar que Ele Respira, de Brittainy C. Cherry
O novo romance da autora de Sr. Daniels. Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

Nunca o Nome do Menino, de Estevão Azevedo
Romance do autor vencedor do prêmio São Paulo de literatura 2015. Como assegurar que não somos meros sonhos de um criador que desconhecemos, e por que confiar em sua existência? Partindo do dilema borgiano de uma mulher que se vê personagem de uma obra de ficção e de todas as reflexões que passa a ter em função disso, Estevão Azevedo alinhava sutilmente referências literárias que vão de Homero a Vinicius de Moraes, passando por Camus, João Cabral de Melo Neto e, sobretudo, Machado de Assis. O resultado é um romance metaliterário, que, em vez de se propor erudito, sugere um pacto lúdico ao leitor.

A Pequena Guerreira, de Giuseppe Catozzella
Uma garota destemida, uma jornada perigosa, uma história inesquecível. A pequena guerreira é um romance baseado na vida de Samia Omar, a menina determinada a ser uma atleta de sucesso que cresceu numa Somália devastada pela guerra. Samia dormia com a foto do campeão olímpico Mo Farah ao seu lado, treinava arduamente apesar da violência e do preconceito que a rodeavam, e conseguiu, contra todas as expectativas, integrar a seleção somali de atletismo, além de participar das Olimpíadas de 2008 em Pequim. Um dia, com a família sob risco de ser irremediavelmente afetada pela guerra, sua irmã se vê forçada a fazer a perigosa viagem de barco para a Europa, como refugiada. Pouco tempo depois, Samia, temendo por sua segurança e por seus sonhos, resolve seguir os passos da irmã, e com isso coloca a própria vida nas mãos de traficantes de pessoas, demonstrando até onde alguém é capaz de ir por um sonho. A pequena guerreira é uma história inspiradora e tocante de guerra, família e esperança.

O Efeito Rosie, de Graeme Simsion
A aguardada sequência do best-seller internacional O Projeto Rosie. O Projeto Rosie foi concluído, e Don e sua amada estão morando em Nova York. Ele é professor na Universidade de Columbia, e Rosie cursa o primeiro ano do programa de doutorado em medicina. Tudo vai muito bem até o dia em que ela anuncia: Estamos grávidos. Diante do desafio ainda maior do que encontrar uma esposa, Don não vê alternativa a não ser iniciar o Projeto Bebê. Ao tentar definir os protocolos para se tornar pai, usando seu estilo de pesquisa peculiar e suas habilidades sociais – ainda baixíssimas –, Don, é claro, acaba se metendo em várias confusões e mal-entendidos. Agora ele corre o risco de ser processado, deportado, de perder a credibilidade profissional e, o pior, de perder Rosie para sempre. Prepare-se para rir, chorar e se emocionar novamente com o professor de genética mais carismático de todos os tempos.

A Imaginação Totalitária, de Francisco Razzo
Um livro que escancara os perigos da política como esperança. Com o rigor de um scholar e a força argumentativa de um polemista, Francisco Razzo expõe uma tese perturbadora: esquerda, direita ou centro, somos todos responsáveis pelas jaulas voluntárias de nossas ideologias. A imaginação totalitária é a estreia promissora de um escritor que quer nos perturbar sem fazer nenhuma concessão. E, sobretudo, o relato de um exorcismo pessoal de alguém que também quer expulsar os demônios que infestam a atual sociedade brasileira – especialmente quando esta crê que a política é a última esperança que nos resta.

As Crônicas de Medusa, de Stephen Baxter e Alastair Reynolds
Sequência do clássico Encontro com medusa, de Arthur C. Clarke. Quando um ataque terrorista ameaça o cruzeiro Sam Shore na virada do século XXI para o XXII, não há ninguém que possa fazer nada. Nem mesmo o capitão da Marinha Mundial Howard Falcon, um ser humano aprimorado, parte homem, parte máquina. Então um pequeno robô que servia bebidas, com suas falas limitadas e sua autonomia reduzida, se prontifica a resolver a situação. Com isso, iniciam-se discussões sobre o grau de independência das máquinas, que podem se tornar ferramentas ainda melhores do que já são. Até que ocorre um acidente em um posto de trabalho no cinturão de Kuiper. Falcon vai até lá e encontra uma máquina chamada Adam cuja inteligência artificial parece torná-la consciente, um indivíduo. O capitão sabe que isso significa que as máquinas daquele setor serão desativadas para que o risco de completa independência seja evitado, por isso recomenda que todas fujam para que se desenvolvam longe da influência da humanidade. Comandadas por Adam, elas vão embora. Porém, muitos anos depois elas voltam, e esse é o começo de séculos atribulados na relação entre homens e máquinas.



Editora Bertrand Brasil



Hot Sul, de Laura Restrepo
María Paz é uma jovem latina que, como muitas outras, veio para a América em busca de um sonho. Ao ser acusada de matar o marido e sentenciada a passar a vida atrás das grades, ela precisa manter acesas as esperanças enquanto se esforça para provar sua inocência. Mas os perigos da penitenciária não são os únicos obstáculos em seu caminho: a liberdade pode lhe forçar a encarar um horror ainda maior que está à sua espera do outro lado das muralhas da prisão — um horror que não deixará nada impedi-lo de tomá-la para si. Poderá María Paz sobreviver a essa dupla ameaça em uma terra onde perigo e desespero estão constantemente no encalço enquanto felicidade e segurança parecem sonhos inalcançáveis?

Antes de Partir, de Colleen Oakley
Um romance emocionante sobre vida, morte e amor feito tanto para os leitores que gostam de rir quanto para os que preferem chorar. Na véspera do que esperava ser uma triunfante comemoração de três anos livre do câncer, Daisy, 27 anos, sofre um golpe devastador: seu médico lhe diz que a doença está de volta, desta vez ainda mais agressiva. Tendo apenas de quatro a seis meses de vida, ela está apavorada com o que será de seu marido, Jack, quando não estiver mais lá para cuidar dele. Esse medo tira seu sono, até que uma solução lhe vem à mente: ela precisa encontrar outra mulher para ele. Com uma determinação singular, Daisy visita parques, cafeterias e sites de relacionamento à procura do par perfeito para Jack. Mas, à medida que ela avança em sua busca, ela se vê forçada a decidir o que é mais importante no curto tempo que lhe resta: a felicidade de seu marido ou a sua própria?

Sra. Poe, de Lynn Cullen
Um escritor e seus demônios, uma mulher e seus desejos, uma esposa e sua vingança. 1845: O Corvo, de Edgar Allan Poe, alcança os padrões de perfeição literária e está no auge da moda – sucesso com o qual uma poetisa esforçada como Frances Osgood só pode sonhar. Apesar de não ser grande fã dos escritos de Poe, ela vê com entusiasmo a chance de conhecê-lo e, em um sarau literário, fica atraída por sua magnética presença – e pela surpreendente revelação de que ele admira o seu trabalho. Flerte e sedução culminam em um romance proibido. Mas quando a frágil mulher de Edgar insiste em se tornar amiga de Frances, o relacionamento se torna tão ambíguo e tortuoso quanto um dos contos de Poe. Inspirado na vida e na escrita de Poe e Osgood, e baseado em autênticos detalhes históricos, Sra. Poe é uma história de tragédia e perda envolta em uma aura de paixão e vitalidade.

Felicidade Incurável, de Fabrício Carpinejar
Em seu novo livro de crônicas, Fabrício Carpinejar anuncia: é chegado o momento de propor a felicidade... e uma felicidade incurável. A felicidade incurável é aquela que nunca está reunida em um único lugar; é aquela que nem a tristeza consegue levar. A felicidade incurável contraria diagnósticos e medos, supera fobias e traumas e não se diminui perante o pessimismo dos outros. A felicidade incurável é aquela que não adoece. Com uma passionalidade reflexiva e racional, o autor, notável por sua prosa absolutamente passional e sincera, protege seu ímpeto sem perder a responsabilidade. Um atlas do que Carpinejar acredita ser um relacionamento, Felicidade Incurável trata de mudança de mentalidade amorosa e da família, diferentes fins de casamento, amizades em tempos eletrônicos, divertidas implicâncias de casal, debate sobre o que é alegria e liberdade e sugere: seja feliz por uma questão de justiça pessoal.

Socorro, meu Vídeo Bombou na Internet!, de Marni Bates
Ela era uma aluna dedicada e invisível... até viralizar na internet. Mackenzie Wellesley é o tipo de aluna em que as pessoas só reparam quando precisam de ajuda com o dever de casa. Isso é, até que ela sem querer mandar um jogador do time da escola escada abaixo com um golpe acidental de sua mochila e faz uma desastrosa tentativa de reanimação por massagem cardíaca. Antes do fim do dia, todo o fiasco vai parar no YouTube. E quando Mackenzie se dá conta das dimensões do acontecido, já é tarde demais: o vídeo do incidente se tornou uma sensação na rede, com mais de 4 milhões de visualizações. Agora, levada por um redemoinho de astros do rock, paparazzi e roupas de grife grátis, Mackenzie precisa descobrir um jeito de conciliar esse caos à sua vida de garota normal. E quando começa a receber até mesmo olhares do cara mais popular do colégio, ela percebe que essa fama pode ser bem interessante...

A Fome, de Martín Caparrós
Fome é um livro construído a partir de histórias de pessoas que trabalham em condições bastante precárias para mitigá-la, daqueles que usam o alimento como meio de especulação financeira provocando fome em muita gente. Para entendê-la e narrá-la, Martín Caparrós viajou pela Índia, Bangladesh, Níger, Quênia, Sudão, Madagascar, Argentina, Estados Unidos e Espanha. Nestes países, encontrou pessoas que, por diferentes motivos — secas, miséria, guerras, marginalização —, passam fome. A Fome tenta, sobretudo, destrinchar os mecanismos que fazem com que quase um bilhão de pessoas não comam o que precisam. Incômodo e apaixonado, é uma crônica que faz pensar, um ensaio que relata e um panfleto que denuncia a pressão de uma vergonha incessante.

Noturnos, de John Connolly
Primeira coletânea de contos do premiado autor de O Livro das Coisas Perdidas. Crianças acreditam que monstros são reais. Adultos tentam convencê-las do contrário — ou de que, no final, eles sempre serão derrotas. Nesta que é sua primeira coletânea de contos, John Connolly escreve sobre os mundos infantil e adulto em confronto em dezesseis histórias absolutamente assombrosas, com ecos de alguns dos mestres do horror — M.R. James, Ray Bradbury, Stephen King —, mas sem abrir mão da voz única e inconfundível que o consagrou em O Livro das Coisas Perdidas. Amores perdidos, crianças desaparecidas, demônios predatórios e fantasmas vingativos são apenas alguns dos ingredientes que compõem esta imperdível antologia.

A Vida Como Ela Era, de Susan Beth Pfeffer
O primeiro livro da considerada uma das melhores séries de distopia. Quando Miranda começa a escrever um diário, sua vida é como a de qualquer adolescente de 16 anos: família, amigos, garotos e escola. Suas principais preocupações são os trabalhos extras que os professores passaram – tudo por causa de um meteoro que está a caminho da Lua. Ela não entende a importância do acontecimento; afinal, os cientistas afirmam que a colisão será pequena. O que Miranda não sabe é que os cientistas estão muito enganados... Para surpresa de todos, o impacto da colisão é bem maior do que o esperado, e isso altera de modo catastrófico o clima do planeta. Terremotos assolam os continentes, tsunamis arrasam os litorais e vulcões entram em erupção. Em 24 horas, milhões de pessoas estão mortas e, com a Lua fora de órbita, muitas outras mortes são previstas. Miranda e sua família precisam, então, lutar pela sobrevivência em um mundo devastado, onde até a água se torna artigo de luxo. Através do diário da adolescente, A vida como ela era nos conduz por uma emocionante história de persistência, ensinando-nos que, mesmo diante de tempos assustadores e imprevisíveis, o recurso mais importante de todos – aquele que jamais deve ser extinto – é a esperança.

Os Vivos e os Mortos, de Susan Beth Pfeffer
A luta pela sobrevivência quando a Lua se aproxima da terra e um catástrofe assola o planeta. Um meteoro em rota de colisão com a Lua: um evento astronômico previsto com antecedência pelos cientistas. Só que para surpresa de todos, o impacto da colisão é bem maior do que o esperado, e a Lua sai de órbita, aproximando-se da Terra e alterando de modo catastrófico o clima do planeta. À medida que Nova York é devastada e tanto comida quanto ajuda tornam-se escassas, o adolescente porto-riquenho Alex Morales luta para manter suas irmãs, Bri e Julie, de 14 e 12 anos, a salvo. Com os pais desaparecidos, cabe a ele assumir responsabilidades inimagináveis e dar o seu melhor para sobreviver enquanto reza para que o restante de sua família volte com vida para casa.



Editora Verus



A Garota do Calendário: Janeiro, de Audrey Carlan
O que você faria para salvar a vida de seu pai? A vida é feita de escolhas. Mia Saunders fez a dela. Fenômeno editorial nos Estados Unidos com mais de 3 milhões de cópias vendidas. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

A Garota do Calendário: Fevereiro, de Audrey Carlan
O que você faria para salvar a vida de seu pai? A vida é feita de escolhas. Mia Saunders fez a dela. Fenômeno editorial nos Estados Unidos com mais de 3 milhões de cópias vendidas. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.

A Garota do Calendário: Março, de Audrey Carlan
O que você faria para salvar a vida de seu pai? A vida é feita de escolhas. Mia Saunders fez a dela. Fenômeno editorial nos Estados Unidos com mais de 3 milhões de cópias vendidas. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva, mas ela está prestes a descobrir.

A Garota do Calendário: Abril, de Audrey Carlan
O que você faria para salvar a vida de seu pai? A vida é feita de escolhas. Mia Saunders fez a dela. Fenômeno editorial nos Estados Unidos com mais de 3 milhões de cópias vendidas. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... O cliente de abril é o astro do beisebol Mason Murphy, de Boston, que precisa de Mia a seu lado para melhorar sua imagem com os patrocinadores. Mason não está acostumado a ouvir não de mulher alguma, e Mia vai representar o desafio supremo para ele.

Garota Online em Turnê, de Zoe Sugg
A continuação do best-seller Garota Online. Quando Noah convida Penny para acompanhá-lo em sua turnê pela Europa, ela mal pode esperar para passar semanas na companhia de seu fantástico namorado roqueiro. Mas, entre a agenda cheia de Noah, seus companheiros de banda não tão amigáveis e mensagens ameaçadoras de fãs invejosas, Penny começa a se perguntar se foi feita para a vida em turnê. Ela sente muita falta da família, de seu melhor amigo, Elliot... e de seu blog, o Garota Online. Será que Penny vai aprender a equilibrar vida, amor, amizade, planos para o futuro — tudo isso com os pés na estrada —, ou vai pôr tudo a perder nas férias de verão mais emocionantes e imprevisíveis da sua vida?

As Coisas Mais Legais do Mundo, de Karol Pinheiro
Do blog para as livrarias: 100 textos inéditos e cheios de inspiração sobre amores, desamores e mais, muito mais, de um dos fenômenos da internet. Ela prefere os dias nublados. Gosta de ficar sozinha, mas tem amigos da vida inteira. No trânsito, tem mania de olhar para os carros parados ao lado e imaginar o que as pessoas estão pensando. Curte cada minuto da casa nova (onde mora sozinha!) e se pergunta onde foi que as pessoas esconderam os sentimentos escancarados. Em seu primeiro livro, Karol Pinheiro convida você a olhar o mundo pelos olhos dela. De um jeito doce que às vezes pode ser bem ácido, a blogueira fala de amor, beleza, desejos, mentiras, frustrações, família, manias, cachorrinhos de estimação, sobremesas e avós de cabelos branquinhos. Fala de sentimentos, mas também fala de coisas. Afinal, a vida da gente não é feita só de poesia. Com leveza e inteligência, Karol compartilha com você as suas impressões sobre ser, ter e sentir. No teclado dessa jovem escritora, as situações do cotidiano se transformam em textos lindos que vão fazer você se perguntar por que nunca tinha olhado em volta com tanta sensibilidade. Cada um dos textos termina com um desafio da Karol. Tudo que ela quer, agora, é que você abra a sua mente (e o seu coração) para as coisas mais legais do mundo!

As Épicas Aventuras de Lydia Bennet, de Kate Rorick e Rachel Kiley
Continuação de O diário secreto de Lizzie Bennet. Baseado na premiada série de web The Lizzie Bennet Diaries, este livro é estrelado por Lydia, a espevitada irmã de Lizzie, conforme ela encara as alegrias e os tropeços no caminho de se tornar adulta na era digital. Antes de Lizzie começar seu popular vlog, Lydia era apenas uma garota normal tramando maneiras de matar aula e criar a identidade falsa perfeita para entrar nas baladas. Talvez ela não tivesse muito foco, mas amava sua família e se divertia para valer. Até que o vlog de Lizzie transformou as irmãs Bennet em sensações da internet, e Lydia adorou virar o centro das atenções, conforme as pessoas assistiam, debatiam, postavam no Twitter, no Tumblr e em blogs sobre a vida dela. Mas então Lydia aprendeu que nem toda atenção é positiva... Depois que seu ex-namorado, George Wickham, aproveitou a fama recém adquirida de Lydia, traiu sua confiança e destruiu sua reputação, ela não é mais uma garota ingênua e despreocupada. Agora, Lydia terá de batalhar para reconquistar a confiança e o respeito de sua família e encontrar seu lugar no mundo. Este livro começa exatamente no ponto em que O diário secreto de Lizzie Bennet parou e oferece uma nova abordagem a Orgulho e preconceito.

Diário de uma Garota Nada Popular, de Rachel Renée Russell
Histórias de uma babá de cachorros nem um pouco habilidosa. Nikki e seus amigos Brandon, Chloe e Zoey estão juntos em uma importante missão no décimo livro da série Diário de uma Garota Nada Popular. Ela precisa esconder sete adoráveis filhotinhos de cachorro de seus pais, de sua irmãzinha intrometida, de toda a escola e... de uma garota malvada pronta para a vingança: MacKenzie Hollister. Se alguém pode cumprir essa missão, é a Nikki... Mas não sem alguns desafios hilários no caminho!


Editora BestSeller




Hábitos para uma Vida Eficaz, de Stephen R. Covey
O novo livro do autor do sucesso Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes. Em seu novo livro, Stephen R. Covey, um dos maiores professores de todos os tempos, apresenta cinco hábitos para incorporar no dia a dia e ter uma experiência de vida mais eficaz, compartilhando perspectivas inovadoras sobre a vida e a forma como nos autoanalisamos. O leitor encontrará a solução de muitos problemas ao simplesmente deixar a natureza lhe ensinar sobre as leis naturais e como cuidar de relacionamentos, aumentar seu nível de autoconhecimento e guiar suas escolhas. Hábitos para uma vida eficaz é projetado para a geração que está iniciando a carreira e para os admiradores de longa data do professor que desejam melhorar a vida profissional e a pessoal com a ajuda de seus princípios. Mais do que uma inspiração, este livro é uma introdução aos hábitos fundamentais para se criar uma nova experiência de vida.

Nas Sombras do Estado Islâmico, de Sophie Kasiki
O testemunho extraordinário da mulher francesa que se juntou ao estado islâmico e conseguiu sobreviver a uma jornada pelo inferno. Sophie Kasiki trabalhava como assistente social nos subúrbios de Paris quando três dos jovens que auxiliava abandonaram a França para se juntar ao Estado Islâmico, na Síria. Em pouco tempo, aqueles que ela carinhosamente chamava de os meninos voltariam a procurá-la. A princípio, Sophie ingenuamente esperava convencê-los a voltar, mas o que aconteceria seria exatamente o oposto. Em Nas sombras do Estado Islâmico, Sophie Kasiki relata, de forma muito emocionante, todo o terror que passou na cidade de Raqqa, coração do Estado Islâmico na Síria.

Enviada por um Anjo, de Kevin Skelton
Uma história real de ato terrorista, perda e reencontro com o amor. Foi na tarde do dia 15 de agosto de 1998, enquanto Kevin e sua família compravam material escolar no centro de Omagh, na Irlanda, que uma bomba explodiu, matando 29 pessoas. Mena, esposa de Kevin, foi uma das vítimas, e Shauna, sua filha mais nova, sofreu graves ferimentos no rosto. Um tempo antes do atentado, Mena e Kevin participaram de um projeto para acolher crianças de um orfanato da Romênia no periodo de férias e receberam Andreea, uma menina de 9 anos, que cogitaram adotar. Após o acidente, Skelton decidiu ir à Romênia para realizar o desejo da esposa. Lá conheceu Maria, mãe de Andreea e, depois de desencontros e voltas da vida, os dois deram início a um relacionamento, se casaram e tiveram uma filha. Em Enviada por um anjo, Kevin Skelton narra o episódio mais difícil de sua vida e como a chegada de Maria e sua família mudaram seu destino.

Um comentário:

  1. Oi, Jessica.
    Quantos lançamentos bacanas, né?
    Eu fiquei bem interessada em Antes de Partir, de Colleen Oakley. Achei a capa lindíssima e me lembra muito 'Como eu era antes de você', além de que a história parece ótima.

    Bjos,
    http://helendutra.com/

    ResponderExcluir